O GGB    ::    SEJA MAIS UM FILIADO    ::    FAÇA SUA DOAÇÃO    ::    ggb@ggb.org.br
 

Home
Saúde
Movimento GLBT
Grupos GLT
Editorial
Legislação
Direitos Humanos
Orientações
Caderno Cultural
Educação
Agenda 2004
Notícias
Artigos-Opinião
Acontece
Nossas publicações
Turismo
Sociedade
Destaques
Marcelo Cerqueira
Sites
Projetos
Roteiros e serviços

 

  

Acabou, até o próximo ano Carnaval da Bahia

por - Marcelo Cerqueira, Very......

 

 

 

Feijão Vip da Negona, Mott, Dadá e o colunista Marcelo Cerqueira do site do GGB.

 

 

 

Na praça - Juradas (e) Wedman - Manaus, Socorro Chaves, Salvador e Valéria, Campo Grande, MT - Juradas do XI Concurso de Fantasia Gay da Bahia, segunda-feira de Carnaval.

SALVADOR,BA - 6/01/08 - Tô morta! Acabou, mas já estamos todos com saudade do Carnaval. Maratona esse carnaval. Á maratona para mim começou muito mais cedo. Fui fazer a cobertura da I Parada Gay de Caravelas, extremo Sul da Bahia no dia 25 de janeiro, uma sexta-feira. Na volta sábado dormi em Porto Seguro, saindo no dia 26 de Caravelas às 6hs da manhã. Em Salvador, ao pude resistir aos encantos de Dada e Rodolfinho Tourinho, do aeroporto baixei no domingo no Feijão VIP da Negona. Pense!! A semana toda foi só adrenalina.

As festas, ensaios e muita diversão. Pegar fantasia, pegar camisa de camarotes, ui! Mais uma vez o Camarote da Rainha Daniela foi divino, tudo sublime sob o comando da sergipana Lícia Fabio, apesar de ser um peso pesado, apreciar um rico e cheiroso charuto Cubano, a sociedade baiana prefere chamar de Licinha. Sergipana que venceu na Bahia, coisa duríssima, tarefa titânica, porque a sociedade baiana é extremamente seletiva e desconfiada. Essa frase eu vi escrita em uma folha de papel oficio em seu escritório no elegante Trapiche do Contorno.

Camarote Daniela - Contigo! – Serviço impecável, dois ambientes, o térreo era área de serviços e para quem queria dar um fôlego entre uma sacodida e outra. O pavimento central era a grande área que concentrava todos os convidados sem muita divisão a não ser um espaço super vip a frente do Camarote para super celebridades. O Itaú fez um espaço somente para eles, os funcionários, simpático isso. Famosos, anônimos, gente exótica, jornalistas e essa mistura é algo muito bacana do espaço. Falar o que mais de Daniela Mercury, tudo já foi dito. Ela é a grande dama, senhora, a diva. Ela surge com aquela voz peculiar, pronto tudo fica mais bonito quando ela ta por perto. Uma amiga me disse que o Camarote que se come bem é o de Daniela, o Expresso é só para tirar fotos. Pois são tantas fotos. Por isso que Flora disse que este é o espaço mais desejado do Carnaval da Bahia.

Expresso 2222 – Começou a circular em novo endereço que possibilitou uma maior visão de todo o circuito Barra Ondina. Muitos convidados, Flora e Gil passavam sempre conduzindo um super famoso e atrás de deles uma legião de fotógrafos. Ah! Hoje é quarta feira de cinzas, cansei depois eu retomo o texto se eu lembrar mais alguma coisa. Ah!! Amei Preta Gil, Jauperi e Pepeu Gomes no Expresso. Nossa eu a-do-ro Pepeu Gomes. Quando eu era muleca, tinha colado na parte interna do meu guarda-roupa pencas e pencas de fotos de Pepeu e Baby Consuelo, na verdade eu adorava Pepeu, Baby constava apenas para tirar o povo de tempo. Ele era lindo demais, ainda continua um tanto quanto charmoso apesar de meio desleixado, ou melhor, talvez seja que o gato tenha agora priorizado outros aspectos de sua personalidade, o que de fato deve ter acontecido.

Camarote Pride – Este foi à revelação, porque nunca houve iniciativa do gênero na Bahia, e ao quer parece, ao que eu pude ver a onda vai pegar e em 2009 vai ser muito aprimorado porque esse é sempre objetivo de Márcia Franco, entusiasta da idéia do Camarote. Funcionou na área do Espanhol, muita gente circulou por lá. Tinha serviço de Bar, área de descanso e uma pista de dança para quando a rua não tinha atrações, eu dancei horrores. Vai pegar e no próximo ano vamos ter inúmeras novidades, aguardem. Pride foi o melhor espaço GLS no Carnaval da Bahia.

 Registro

O Beco do Off Clube como sempre pegou fogo. O babado foi um petit Camarote que a Creperia La Bouche fez. Noossssa!!! Foi babado a pegação, azaração, paga-se quinze aqués e entrava, pronto, pense!! André Cupolo da Queens todos os dias estava dando o ar da graça.

Parabéns para Valmick Brás da Sauna Planetário 11 que fez aniversário e recebeu os colegas para cortar bolo. Pois é cortaram o bolo e saíram correndo para desfilar nos Filhos de Gandhy. A festinha foi no dia 4 de janeiro. Ele hospedou em sua casa nos Barris dois gêmeos Alemães, iguaizinhos, lindos. Esse moços ferveram apesar da cara de santos. Eles falavam português como agente, um beijo se você adivinhar como foi que eles aprederam falar.

Melhor música do Carnaval

A música que ganhou como a mais executada do Carnaval foi a Toda Boa do grupo de Pagode Psirico. Parabéns, mereceu porque vai limpando o meio de campo nessa relação de amor e odio que o pagode tem com as mulheres e as minorias em geral. Mas, eu especialmente escolho a música Amor de Carnaval da saudosa Elizeth Cardoso. Foi sublime, estava no Camarote do Expresso 2222 e Daniela Mercury passou a frente do Camarote em uma homenagem ao professor Gilberto Gil ela cantou essa música com ele, confira abaixo como é linda, imagine executada pelo dueto Gil e Daniela.

Amor De Carnaval
Elizeth Cardoso
Composição: Indisponível
Eu não quero mais chorar
Por causa de um amor qualquer
Minha dor tem que acabar
No carnaval, se deus quiser!
Faz um ano desse amor
Esperei até cansar
Carnaval me trouxe a dor
Mas carnaval tem que levar
Porque eu não quero mais chorar
Por causa de um amor qualquer
Minha dor tem que acabar
No carnaval, se deus quiser.

Faz um ano desse amor
Eu esperei até cansar,
Carnaval me trouxe a dor
Carnaval tem que levar.

Madeirada nos CDs Piratas

IVETE SANGALO – As deusas do Carnaval da Bahia são Daniela, Ivete e Margarete Menezes, sem elas não tem Carnaval certo, pode até ter, mas capenga, sem alegria. Deusa pode tudo, mas ou menos. O gesto de Ivete no campo grande contra a pirataria passando a madeira em cima dos CDs piratas foi um tanto quanto desnecessário fazer no Carnaval, no circuito mágico do Campo Grande. Ivete saia dessa! Penso que quem respeita o seu trabalho como artistas jamais irão comprar um CD ou DVD pirata para esconder numa gaveta mofada. E isso se estende a todos os artistas. O público compra para mostrar o álbum tocar, olhar as fotos, a mensagem do artista que naquilo que ele acredita e afinar o seu pensamento com o seu ídolo. Artista com valor cultural agregado ao seu produto vende original, sim, porque respeita o seu público e não faz lixo. Tem artistas e gravadoras que esquecem que a maior parte da população do país recebe salário mínimo, tirar 40 ou 30 reais e dar em um CD é dureza. Então o que seria das bandas de pagode que Sacode, Sacode, e não tem gravadoras para lançar seus trabalhos, mesmo de gosto duvidoso, mas que é parte inegável de nossa cultura festiva.

 

 

 


Voltar

  __________________________________________________________________________________________________________
  Grupo Gay da Bahia - GGB
Rua Frei Vicente, 24 - Pelourinho - Caixa Postal 2552
CEP 40.022-260. Salvador / Bahia / Brasil 
Tel.: (71) 321-1848 / 322-2552 / 322-2176
Fax: 322-3782
 
__________________________________________________________________________________________________________

         © 2003, Todos os direitos reservados, Grupo Gay da Bahia