O GGB    ::    SEJA MAIS UM FILIADO    ::    FAÇA SUA DOAÇÃO    ::    ggb@ggb.org.br
 

Home
Saúde
Movimento GLBT
Grupos GLT
Editorial
Legislação
Direitos Humanos
Orientações
Caderno Cultural
Educação
Agenda 2004
Notícias
Artigos-Opinião
Acontece
Nossas publicações
Turismo
Sociedade
Destaques
Marcelo Cerqueira
Sites
Projetos
Roteiros e serviços

 

  

Cidade baixa
Fundo de posto de gasolina vira point de descolados no Bonfim
Por Redação MARCELO CERQUEIRA

 

SALVADOR, 13/02/09 - Não poderia existir outra música para ilustrar essa Bahia, essa cidade de Salvador como essa. Uma cidade descente toda prosa e poesia, tudo isso com certeza, só se ver na Bahia. Agora imitando os pernambucanos, alagoanos e sergipanos, e é? É sim, é muita prosa, é muita pinta é muito babado forte.  

Babado é o que rola na cidade baixa, quem reclamava que lá não existe diversão – fora as toneladas de bofes – enganou-se porque a mais de seis meses funciona aos fundos do Posto menor Preço, no Espaço Barreto, as quita-feiras algo que se foi batizado por uma senhora transformista denominada Deborah Vermont e Lazaro Dimont, quintas total flex, e roda com tudo mesmo, seja com álcool, gasolina, metanol e água, mas roda.

Toda quinta feira acontece a quinta total felex no fundo do posto em um palco improvisado onde diversas bichas apresentam números de dublagem musical animando pencas essa noite na cidade baixa, ou melhor no Dendezeiro, na baixa do Bonfim. Hoje não foi diferente.

As 22h15min Deborah apresentadora, dubladora gozava dupla felicidade, uma delas era comemorar o seu aniversário junto com as amigas, quinze anos de carreira artística. Ela se apresenta fazendo um número antológico da cantora Rosana. Traja um vestido violeta Elizabeth Teylor, cabelos ruivos e colar reluzente de um falso brilhante, melhor de várias pedras falsas de brilhante.

Seguida chama suas colegas, se apresentam Stryker que promoveu um memorável bate cabelo, seguida de Aysla que fazia número de Madonna com direito á acrobacia e tudo, depois Trinkit, um número de Elza Soares, havia ainda várias se montndo e outras chegando ao exemplo da menina moça Scher Marie que faz shows com se Vanessa Camargo fosse. Eu não esperei, porque Heckil, estava nervoso para voltar, mas cerca de 23Hs, havia ainda muita gente chegando com muita disposição entre elas aquele rapaz (esse de blusa vermelha na foto) que ficou conhecido por fazer Ême. Eu também estava toda metralhada da noite passada, então resolvi atender aos caprinhos de minha amiga DJ.

O ambiente é arejado, ventilado e abaixo e enormes pés de flamboyant, lindos e carregados de flores vermelhas, ao fundo da rua vê-se a preciosa igreja do Bonfim, olhando tudo de lá de cima da Colina Sagrada. Param-se muitos carros, chegam-se pencas de moleques curiosos, pessoas que sentam, bebem comem e se divertem com as patacoadas das bichas no palco é pura diversão para quem gosta de se divertir dar risadas e ver amigos. Eu fui, adorei e voltarei outras vezes. (MARCELO CERQUIERA)

O que é: Barretos Bar
Onde é: Rua do Dendezeiro, fundo do posto Menor Preço
Como é: Bar improvisado com mesas, cadeiras, serve-se cerveja e outros drinks de frutas tropicais.
Admissão: não se cobra consumação

 

 

 

 

 


Voltar

  __________________________________________________________________________________________________________
  Grupo Gay da Bahia - GGB
Rua Frei Vicente, 24 - Pelourinho - Caixa Postal 2552
CEP 40.022-260. Salvador / Bahia / Brasil 
Tel.: (71) 321-1848 / 322-2552 / 322-2176
Fax: 322-3782
 
__________________________________________________________________________________________________________

         © 2003, Todos os direitos reservados, Grupo Gay da Bahia