O GGB    ::    SEJA MAIS UM FILIADO    ::    FAÇA SUA DOAÇÃO    ::    ggb@ggb.org.br
 

Home
Saúde
Movimento GLBT
Grupos GLT
Editorial
Legislação
Direitos Humanos
Orientações
Caderno Cultural
Educação
Agenda 2004
Notícias
Artigos-Opinião
Acontece
Nossas publicações
Turismo
Sociedade
Destaques
Marcelo Cerqueira
Sites
Projetos
Roteiros e serviços

 

  


Gays protestam contra a homofobia em Salvador

Membros do GGB: O motivo da ação é instituir o dia de combate ao preconceito

 

Integrantes do Grupo Gay da Bahia (GGB) promoveram na praça da Piedade no Centro de Salvador ato público para assinalar o dia 17 de maio como dia nacional de combate a homofobia que quer dizer ódio aos homossexuais ao a coisas relativas aos mesmos.

Portanto faixas com os dizeres, viver sem violência é um direito dos homossexuais de todas as raças e uma vida inteira sem violência, 17 de maio pela erradicação da homofobia. Além das faixas os gays fizeram um grande varal onde estenderam recortes de jornais e flanelas com nomes de homossexuais que foram assassinados nos últimos 20 anos. Duas camisetas que pertenceram a Joel Lobo, assassinado em 2003 em Salvador, foram estendidas no Varal da Vergonha de da Impunidade. “Nossa ação é para chamar atenção das pessoas para o combate e erradicação da homofobia em nossa sociedade”, disse Marcelo Cerqueira, presidente do GGB.

O Homossexual de prenome Fabio, 22 anos, compareceu ao evento para denunciar uma agressão sofrida. Ele relata que estava parado travestido no domingo último na região do Sam Martim, quando foi surpreendido por um grupo de homens os quais partiram para cima dele aos socos e pontapés, como seqüela da ação violenta Fábio, acabou com uma grave lesão no olho arriscado perder a visão para o resto da vida.

Como medida prática o GGB encaminhou ao Vereador Valdenor Cardoso, presidente da Câmara Municipal de Salvador um projeto de Lei a ser votado naquela Casa que institui o dia 17 de maio como dia municipal de combate a homofobia na capital baiana. A data é entendia da seguinte forma. No dia 17 de Maio de 1990, a Assembléia Geral da Organização Mundial de Saúde retirou a homossexualidade da sua lista de doenças mentais. Esta ação pôs fim a mais de um século de homofobia médica.

A Manifestação teve inicio às 15hs e seguiu até as 18hs na Praça Municipal, após o términos os homossexuais seguiram em grupo para a sede do GGB que fica no Pelourinho, Centro Histórico de Salvador. Grupos homossexuais de todo o Brasil foram hoje as ruas protestar. Os relatos das ações serão enviados para uma Central Gay em Paris que deverá proceder um relatório mundial. Confira galeria de fotos no portal - http://portal.marccelus.com/ - Salvador, 17 de maio de 2006 – Da equipe local. (MC)


17 de Maio de luta pela erradicação da homofobia
Uma vida sem violência para gays, lésbicas e travestis

 

 

 


Voltar

  __________________________________________________________________________________________________________
  Grupo Gay da Bahia - GGB
Rua Frei Vicente, 24 - Pelourinho - Caixa Postal 2552
CEP 40.022-260. Salvador / Bahia / Brasil 
Tel.: (71) 321-1848 / 322-2552 / 322-2176
Fax: 322-3782
 
__________________________________________________________________________________________________________

         © 2003, Todos os direitos reservados, Grupo Gay da Bahia