O GGB    ::    SEJA MAIS UM FILIADO    ::    FAÇA SUA DOAÇÃO    ::    ggb@ggb.org.br
 
Home
Saúde
Movimento GLBT
Grupos GLT
Editorial
Legislação
Direitos Humanos
Orientações
Caderno Cultural
Educação
Agenda 2004
Notícias
Artigos-Opinião
Acontece
Nossas publicações
Turismo
Sociedade
Destaques
Marcelo Cerqueira
Sites
Projetos
Roteiros e serviços

  

SAÚDE - AIDS

AIDS
Prevenir ainda é o melhor remédio

O QUE É AIDS

É uma doença causada por um vírus (HIV), que entra no corpo humano e destrói as defesas do organismo. A pessoa infectada pelo HIV tem pouca resistência para doenças, mesmo as mais simples. Encontrar a vacina para os não infectados e a cura para os doentes de aids, tem sido um desafio constante para a ciência e para a sociedade civil.
Hoje, as pessoas portadoras do vírus podem contar com o "coquetel", um conjunto de medicamentos distribuído gratuitamente pela rede do Sistema Único de Saúde (SUS) e que vem garantindo excelentes resultados na melhora da qualidade de vida dos usuários. 

COMO SE TRANSMITE A AIDS

Através do contato com o esperma, sangue e secreções vaginais de uma pessoa infectada. E mesmo pessoas já infectadas podem se reinfectar. Por isso, procure usar sempre o preservativo em todas as relações sexuais. Nunca deixe estes líquidos penetrarem em você nem no corpo do outro.
O vírus também é transmitido da mãe para o filho, durante a gravidez, o parto ou o aleitamento. Mulheres soropositivas não devem amamentar. Uma mulher com HIV que queira ter filhos deve procurar orientação médica antes de engravidar.

O QUE NÃO TRANSMITE AIDS

Ser solidário e cuidar de uma pessoa com aids não contamina ninguém com o HIV. O vírus não passa de uma pessoa para outra através dos contatos comuns do dia-a-dia. O vírus não se transmite por beijo, abraço, aperto de mão, picadas de insetos ou suor. Nem pelo uso comum de piscina, sanitários, assento coletivo, copos e talheres. Praticando sexo seguro e usando corretamente o preservativo em todas as relações sexuais, você estará sempre protegido (a).

SEXO SEGURO

Negocie seus limites: a penetração anal ou vaginal só usando a camisinha! Procure se informar nas farmácias sobre métodos lubrificantes. Eles possibilitam uma relação menos traumática, tanto para mulheres que sofrem de secura vaginal quanto para aqueles que praticam o sexo anal.
O sexo oral é um pouco menos arriscado. Mas não é uma prática absolutamente segura, se não for feito uso de alguma barreira física, que isole os fluidos sexuais. Nunca deixe que o esperma ou secreções vaginais entrem na boca, ânus, vagina, feridas abertas ou mucosas expostas. Camisinha sempre!

CUIDADO COM O SANGUE!

Agulhas, seringas e qualquer objeto que fure ou corte devem ser descartáveis ou bem fervidos. Cuide para que o sangue alheio não caia em seus olhos, boca ou ferida. Procure evitar uso de drogas injetáveis e nunca compartilhe agulhas ou seringas.
Não se pega aids por se doar de sangue. Mas se você precisar receber sangue ou seus derivados, procure saber se o produto foi devidamente testado e exija selo de qualidade e garantia.

SINTOMAS DA AIDS

Febre constante e cansaço extremo são os sintomas mais comuns. Mas lembre: quem vê cara, não vê aids. Só o teste pode diagnosticar se alguém é portador do HIV.
Ninguém pode ser obrigado a fazer o teste. Se tiver dúvida, vá ao médico. Apenas após três meses de infecção, o vírus consegue ser identificado pelo teste.

A AIDS E VOCÊ

A aids não escolhe suas vítimas. Qualquer pessoa que não tome certos cuidados na hora da relação sexual corre o risco de se infectar. Evite situações de risco. Converse com o seu parceiro ou parceira sobre as suas preferências, negocie fazer sexo seguro. A aids não é doença de determinado grupo social. As mulheres também podem pegar e transmitir o vírus. Informação e prevenção: procure estar bem informado (a) sobre saúde, preservativo e sexo mais seguro. 

CAMISINHA SEMPRE!

O preservativo protege você não só da aids, mas também de gonorréia, sífilis e outras doenças transmitidas por via sexual, além de evitar a gravidez indesejada. Tenha sempre camisinha à mão. Ela aumenta o prazer, tornando a relação muito mais longa e excitante. Quem usa camisinha se protege do vírus da aids. No Brasil, já existe o preservativo feminino, mais um direito sexual e reprodutivo da mulher. Informe-se sobre este método. 

ONDE FAZER O TESTE DO HIV E TRATAR DAS DST GRÁTIS EM SALVADOR

  • CENTRO DST/CTA/COAS
    Rua Comendador Alves Ferreira, 240 - Garcia 
    Salvador - BA
    Tel. (71) 328.0993 - 328.0251 - 0979 
    Obs. Oferece grátis: consultas, aconselhamento, testes para o HIV e VDRL, medicamentos para tratamento das DSTs, menos coquetel para HIV. Ligue e tenha mais informações sobre os serviços.
  • CTA/COAS - MUNICIPAL
    Largo de Roma s/n - Anexo ao Projeto Cidade Mãe
    Em frente ao Hospital São Jorge
    Tel. (71) 314.8942
    Obs. Só testes para o HIV e VDRL para gestantes

Centro Baiano Anti-Aids
Rua Frei Vicente, 24 - Pelourinho
Informe aids: ligue (71) 322.2176

Apoio: CN-DST/AIDS /MS - UNESCO
Projeto Candomblé, Saúde e Axé
Produção: Marcelo Cerqueira
© CBAA - fevereiro 2001 

 


Voltar

  __________________________________________________________________________________________________________
  Grupo Gay da Bahia - GGB
Rua Frei Vicente, 24 - Pelourinho - Caixa Postal 2552
CEP 40.022-260. Salvador / Bahia / Brasil 
Tel.: (71) 321-1848 / 322-2552 / 322-2176
Fax: 322-3782
 
__________________________________________________________________________________________________________

         © 2003, Todos os direitos reservados, Grupo Gay da Bahia