O GGB    ::    SEJA MAIS UM FILIADO    ::    FAÇA SUA DOAÇÃO    ::    ggb@ggb.org.br
 

Home
Saúde
Movimento GLBT
Grupos GLT
Editorial
Legislação
Direitos Humanos
Orientações
Caderno Cultural
Educação
Agenda 2004
Notícias
Artigos-Opinião
Acontece
Nossas publicações
Turismo
Sociedade
Destaques
Marcelo Cerqueira
Sites
Projetos
Roteiros e serviços

 

  

Polícia

Corpo de pai-de-santo encontrado carbonizado dentro de terreirona Boca do Rio
Editoria local Salvador, Ba, 10/05/2010 - 11hs por MARCELO CERQUEIRA


foto:perfil Orkut

Wal Santos - Ao fundo de vestindo camisa amarela.. " Ele era uma pessoa muito maravilhosa" disse pai Waldemir (foto central) de Lauro de Freitas.

 

Equipes da 9º Delegacia de Polícia da Boca do Rio sob a orientação da delgada Dalva Cardoso do Nascimento investigam o assassinato do pai-de-santo Rosivaldo Cruz Ferreira, 33 anos líder religioso que tomava conta do Terreiro Ile Axé Tobagenan Ogum Xeroque do colega Robsom Amorim que se encontra em viagem pela Itália.

O crime ocorreu nas dependências da casa localizada dentro do terreiro na Rua Hermínio Guimarães, 202, conhecida como Rua da Embasa no bairro da Boca do Rio na última sexta-feira dia 7 de maio, às 6hs da manhã. O Grupo Gay da Bahia (GGB) recebeu a informação comunicado o assassinato na noite de sexta-feira e nessa manhã entrou com contato com a Delegacia para conhecer as origens dos acontecimentos e andamento das investigações.  

O levantamento cadavérico foi efetuado pelo delegado Mário Augusto, plantonista da 7º Delegacia de Polícia do Rio Vermelho. De acordo com informações de familiares que acompanham os trabalhos da Policia Civil deram falta de alguns itens como aparelhagem de som, televisão e computador portátil. Rosivaldo Cruz Ferreira teve o seu corpo totalmente carbonizado em seu quarto.

A perícia do Instituto Médico Legal Nina Rodrigues indica que ele foi morto por perfuração provocada por disparo de fogo provocando a morte encefálica, seguido o assassinado ateou fogo sob o corpo nu na cama. Não houve sinais de luta corporal, sinais de desordem na casa. O assassino quando saíram tiveram o cuidado de fechar o cadeado por dentro para dar idéia de incêndio. Isso significa que era alguém que gozava da confiaça.


De acordo com populares Rosivaldo era um homem líder religioso e mantinha uma conduta considerada normal para a função de zelador de santo. Ele não apresentava comportamento considerado extravagante e se relacionava bem com a comunidade local. “Comportamento e postura, era pessoa muito maravilhosa, nunca sobe que ele andava em meio errado, sempre soube que era uma boa pessoa” disse pai Waldemir do Terreiro de Santa Bárbara em Lauro de Freitas, o líder religioso ficou chocado com a brutalidade da morte.

Amigos deixaram mensagens de tristeza no seu orkut que tem endereço de Wal Santos. O comportamento calmo e tranqüilo da vitima e referencia no seu perfil no site de relacionamento Orkuk “Meu amigo Wal, descansa em paz, apesar de sua trágica partida. Que seu espeirito tenha muita luz, pois aqui na terra você foi bom amigo e com certeza deixará muita saudade” postou a amiga Dirá Oliveira.

Mais uma vez o GGB solicita que crimes envolvendo homossexuais, homofobicos ou mesmo latrocínios sejam investigados pela Delegacia de Homicídios por um Delegado especial que possa acompanhar as investigações. Esses crimes não são iguais aos demais é preciso parar para investigar, raciocinar o que é muita das vezes impossível para as equipes das Delegacias que são poucas e sobrecarregadas de trabalho. “Tem toda uma subjetividade nesses crimes que devem ser analisadas com tranqüilidade, o cotidiano das delegacias não permitem isso” disse Luiz Mott do fundador do Grupo Gay da Bahia (GGB).

O crime intriga toda a comunidade, a Polícia trabalham com algumas pistas que apontam à identidade do criminoso. Quem tiver mais informações sobre o caso podem passar de forma sigilosa para a própria Delegacia pelos fones (71) 3116 1763/1767/1760 ou para o Grupo Gay da Bahia (GGB) pelo fone (71) 3322 2552.

 

 

 


Voltar

  __________________________________________________________________________________________________________
  Grupo Gay da Bahia - GGB
Rua Frei Vicente, 24 - Pelourinho - Caixa Postal 2552
CEP 40.022-260. Salvador / Bahia / Brasil 
Tel.: (71) 321-1848 / 322-2552 / 322-2176
Fax: 322-3782
 
__________________________________________________________________________________________________________

         © 2003, Todos os direitos reservados, Grupo Gay da Bahia