O GGB    ::    SEJA MAIS UM FILIADO    ::    FAÇA SUA DOAÇÃO    ::    ggb@ggb.org.br
 

Home
Saúde
Movimento GLBT
Grupos GLT
Editorial
Legislação
Direitos Humanos
Orientações
Caderno Cultural
Educação
Agenda 2004
Notícias
Artigos-Opinião
Acontece
Nossas publicações
Turismo
Sociedade
Destaques
Marcelo Cerqueira
Sites
Projetos
Roteiros e serviços

 

  

Movimento
29/01/2008
29 de Janeiro:  Dia da Visibilidade de Travestis e Transexuais
Por Redação

A manifestação foi maravilhosa, a bandeira do arco iris rodeada de travestis e transexuais, muita gente parando para receber o folheto com informação sobre DIA DA VISIBILIDADE DE TRAVESTIS E TRANSEXUAIS . Muitos jornalistas e fotógrafos, multidão de turistas. Entre os presentes, Carla Peres, linda e loira, que declarou: "Apoio vosso movimento, Não tenho nenhum preconceito!" recebendo aplausos das trans presentes.

Foi em meados de 2000 que um grupo de Travestis organizadas na ANTRA, Articulação Nacional de Travestis e Transexuais, negociaram com o Governo Federal através do Programa Nacional de DST/Aids do Ministério da Saúde uma campanha que objetivasse esclarecer a população brasileira quem são e o que querem as Travestis. Depois de dois anos de negociação, surgiu a idéia de lançar uma campanha nacional de visibilidade para essa população, que apesar de ser patrocinada pelo ministério da saúde, pela primeira vez uma campanha foi produzida e divulgada nacionalmente, tendo como  mote não apenas a saúde, mas conclamava a população brasileira a respeitar travestis e transexuais dentro da forma como  elas se identificam e vivem.
Em 29 de janeiro de 2004 foi lançada no Congresso Nacional a campanha “TRAVESTI E RESPEITO: JÁ ESTÁ NA HORA DOS DOIS SEREM VISTOS JUNTOS, EM CASA, NA ESCOLA, NA BOATE, NA VIDA”, numa audiência pública com a presença de vários deputados e travestis de todos os estados brasileiros A partir daí os estados e municípios foram orientados a também a fazerem o lançamento desta campanha.
Portanto hoje 29 de janeiro de 2008 a partir das 16 horas Travestis estarão na Praça da Sé,  no Centro de Salvador, gritando por esta reivindicação: chega de só ver noticias de travestis nos jornais em páginas policiais! Chega de só aparecer travestis em programas sensacionalistas na televisão! Chega da população baiana e brasileira só ver travestis à noite nas esquinas! Chega de deboches e piadinhas dentro das novelas brasileiras! Chega da falta de conhecimento da população sobre quem somos, chega de assassinar travestis!
 Nesse dia, as Travestis e Transexuais de todo Brasil e da Bahia estão reunidas, reivindicando também:

Conheça as demandas das travestis na Bahia

O fim da exclusão escolar de travestis, exigindo que as mesmas sejam tratadas segundo as suas identidades de gênero por alunos, professores, diretores e serventes;
Reconhecimento e legalização do trabalho das travestis profissionais do sexo;
Fim da perseguição, violência, abuso de poder, extorsão e constrangimento ilegal da Polícia sobre as travestis;
Direito de alteração do nome civil em cartório;

Direito a Assistência Social, Previdência, Moradia e Saúde das Travestis;

Direito à privacidade e de receber amigos e namorados quando essas estiverem em situação de privação de liberdade;
Aprovação do Projeto de Lei 122/2006 que criminaliza a Homofobia no Brasil;
Criação de leis que criminalizem a transfobia;
Direito à adoção da  identidade de gênero feminina;
Visibilidade dos Travestis de gênero masculino;
Direito de usar o SUS para atender  suas demandas no caso de hormônios e quando estiverem lesionadas pela aplicação do silicone liquido;
Direito que o ministério da saúde implante e efetive nos hospitais de clinicas equipes multidisciplinares para atender a população transexual.

Por fim estamos prontas para atender qualquer pessoa que queira saber mais sobre esse mundo visto da parte de dentro. Dispa-se dos seus preconceitos, deixe a sua discriminação em casa nesse dia e no ano inteiro. Já existem grupos de travestis em todas as capitais brasileiras que trabalham para mostrar que travesti também pode, sabe e  tem o direito de viver  de dia.( Marcelo Cerqueira - DRT-BA 2135)

   

 

 

 

 


Voltar

  __________________________________________________________________________________________________________
  Grupo Gay da Bahia - GGB
Rua Frei Vicente, 24 - Pelourinho - Caixa Postal 2552
CEP 40.022-260. Salvador / Bahia / Brasil 
Tel.: (71) 321-1848 / 322-2552 / 322-2176
Fax: 322-3782
 
__________________________________________________________________________________________________________

         © 2003, Todos os direitos reservados, Grupo Gay da Bahia