O GGB    ::    SEJA MAIS UM FILIADO    ::    FAÇA SUA DOAÇÃO    ::    ggb@ggb.org.br
 

Home
Saúde
Movimento GLBT
Grupos GLT
Editorial
Legislação
Direitos Humanos
Orientações
Caderno Cultural
Educação
Agenda 2004
Notícias
Artigos-Opinião
Acontece
Nossas publicações
Turismo
Sociedade
Destaques
Marcelo Cerqueira
Sites
Projetos
Roteiros e serviços

 

  

Constatação de escritor
“ A Camonuniade gay tem baixo nível político” Diz João Silvério Trevisan
Por Redação Marcelo Cerqueira
 

SALVADOR, 11/03/09 - Este foi o tom da discussão e repercussão entrevista do escritor a Folha de São Paulo. O site de São Paulo A Capa trás como chamada de página principal uma analise da entrevista com o escritor de Ana em Veneza e Devassos no Paraiso. Veja aqui a transcrição da matéria de o A Capa pelo GGB. Em reportagem realizada pela jornalista Nathalia Lavigne na Revista Da Folha deste domingo (09/03), o ex- ativista gay e escritor João Silvério Trevisan é tido como um herdeiro das ideologias setentistas do político gay Harvey Milk.

A matéria sintetiza a biografia a respeito da vida de Trevisan, que ganhou notoriedade com o jornal "Lampião de Esquina" e, nos anos 80, publicou o livro "Devassos no paraíso", que trata da história homossexual brasileira desde a colônia até os tempos de hoje.

Trevisan, que morou nos Estados Unidos, conta à jornalista que o contato mais próximo que teve com o ativista gay Harvey Milk- o primeiro a se eleger para um cargo nos Estados Unidos - foi em uma Parada Gay realizada em 1974, em São Francisco. O escritor revela ter sido uma experiência marcante e que foi nessa época que se assumiu "politicamente". 

Na matéria, fala-se também sobre atitudes radicais, tidas como libertárias, que ocorriam nas Paradas da época. Em um exemplo, Trevisan cita quando a "Gay Parade terminou em um chafariz, com um monte de homens se masturbando", ao qual a jornalista acredita ser inimaginável nas "Paradas atuais".

Sobre os tempos de hoje, João Silvério Trevisan é direto. "A comunidade homossexual hoje tem um baixíssimo nível político", diz. O escritor ainda afilneta dizendo não acreditar que a "história de Milk ajude a politizar a classe", pois, "se não tem apelo erótico, esquece". Você pode conferir matéria na integra no site www.acapa.com.br.

 

 

 

 

 


Voltar

  __________________________________________________________________________________________________________
  Grupo Gay da Bahia - GGB
Rua Frei Vicente, 24 - Pelourinho - Caixa Postal 2552
CEP 40.022-260. Salvador / Bahia / Brasil 
Tel.: (71) 321-1848 / 322-2552 / 322-2176
Fax: 322-3782
 
__________________________________________________________________________________________________________

         © 2003, Todos os direitos reservados, Grupo Gay da Bahia